acompanhe

Viva!


Já vivi 35 anos. Hoje eu acordei e, olha só que mágico, estou viva! E fazem 35 anooos! Não é demais?! Acho incrível!
Parece banal, mas que fenômeno essa coisa de vida, gente. Quase improvável muitas vezes, ela emerge e a partir daí se auto-organiza pra se manter existindo, e de um amontoado de células surgem estruturas complexas e concatenadas, e disso ainda se deriva uma subjetividade, sempre única. Ah, não adianta, não me acostumo com isso! É lindo demais...
Nesse pedaço de história já vivi fases e fases, frequentei e morei em cidades diferentes, passei por lugares e convivi com pessoas tantas, eu fui virando cada uma delas e interiorizando os contextos por onde andei. Às vezes parece que foi em outras eras, por que em 35 anos deu pra fazer um montão de coisas, quantas Marinas já fui... Nem eu mesma sei. Mas pouco importa, importa que me sinto orgulhosa da minha trajetória, e penso ser esse o objetivo maior a se buscar, sentir essa paz. Sobrevivi até aos meus piores dias e ainda gosto de quem chegou aqui, viva. Parabéns pra mim!